Avaliações de usabilidade

Usabilidade é um termo usado para definir a qualidade de uso de um software ou qualquer outro objeto a fim de realizar uma tarefa específica e importante.

A Avaliação de Usabilidade objetiva fazer uma avaliação da qualidade de uma interface com relação à sua utilização por parte dos usuários. Através desta avaliação, são diagnosticadas características da interface que atrapalham a interação, provavelmente por não estarem em conformidade com padrões implícitos e explícitos de Usabilidade.

Dentre os objetivos de uma avaliação de usabilidade, podemos citar:

  • Verificar o desempenho real dos usuários face aos objetivos que foram estabelecidos com o uso do sistema.
  • Fazer a detecção precoce de problemas de usabilidade.
  • Obter críticas / sugestões de especialistas para a melhoria da qualidade da interface.
  • Difundir a experiência obtida, contribuindo para o treinamento da equipe do projeto.
  • Prever potenciais dificuldades de aprendizado na operação do sistema.
  • Economizar custos com a diminuição do tempo e dos erros na execução das atividades, além de aumentar a satisfação dos usuários com a utilização do produto.

Tal procedimento pode ser dividido em duas atividades:

Avaliação Heurística (analítico)

Ilustração avaliação heurística

A Avaliação Heurística é um método para identificar problemas de usabilidade segundo um conjunto de heurísticas ou diretrizes, consideradas importantes de acordo com as características de utilização do produto. As características de utilização, além dos aspectos de perfil de uso dos usuários, contemplam necessidades de marketing e de negócio.

As heurísticas são utilizadas como referência para a análise minuciosa das interfaces do sistema avaliado. Esse tipo de avaliação tem o propósito de apreciar o sistema em termos de funcionalidades, além de analisar a interação e a navegação dos usuários durante a realização de suas tarefas.

A avaliação é realizada por especialistas em usabilidade e dispensa a participação de usuários reais. Os especialistas executarão as tarefas mais usuais e importantes que são desempenhadas no sistema. O objetivo da avaliação é enumerar uma lista de problemas e classificá-los por ordem de severidade.

No final, será entregue um relatório com todos os problemas encontrados, a severidade de cada um deles, além da sugestão de melhoria. Esse relatório é o que auxilia a tomada de decisão dos gestores na hora de corrigir os problemas.

Testes com usuários (empírica)

Foto de teste de usabilidade

Os Testes com usuários (Avaliação Empírica) consiste na avaliação da interface de um determinado produto ou versão por meio da simulação de uso do produto com participantes reais que sejam representantes da população de usuários que utilizarão o sistema. Nessa técnica, os participantes devem executar tarefas típicas do sistema em sessões que são gravadas e acompanhadas por especialistas em Usabilidade.

As tarefas dos testes são escolhidas de acordo com três critérios: a frequência de utilização, a importância e a complexidade.

O Synergia possui um laboratório montado e equipado para este fim. É neste laboratório que são gravados os testes com os usuários, além da observação direta que acontece em uma câmara acústica separada por um espelho.

No final, será entregue um relatório com todos os problemas de usabilidade encontrados, além das sugestões de melhoria.

 

Deseja contratar este serviço?

Preencha o formulário abaixo que nós entraremos em contato o mais rápido possível.